Pernambuco

Operação destrói plantação com mais de 36 mil pés de maconha em Arcoverde

Uma operação da Polícia Federal destruiu mais de 36 mil pés de maconha em uma fazenda localizada no município de Arcoverde, no Sertão de Pernambuco. No local, o dono do imóvel, identificado como Marcos Aurélio de Paiva Leal, 43 anos, e o agricultor Josean José da Silva, 26 anos, foram presos.

Os suspeitos cultivavam a droga com a utilização de fertilizantes e de um sistema de irrigação com cerca de dois quilômetros de extensão, que retirava água de uma barragem próxima ao local. Ao lado da área de plantação, a Polícia Federal encontrou 120 quilos da droga pronta para o consumo e ensacada para ser distribuída. Com a operação, a PF conseguiu evitar que 12 toneladas de maconha fossem produzidas.

De acordo com o chefe de comunicação da Polícia Federal, Giovani Santoro, a droga serviria para abastecer pontos de tráficos em Pernambuco e outros estados do Nordeste. Apesar do flagrante, o fazendeiro Marcos Aurélio vai responder ao crime em liberdade. O agricultor Josean José foi autuado e encaminhado para o presídio Advogado Brito Alves, em Arcoverde. Caso sejam condenados, os dois podem pegar penas que variam de 5 a 15 anos de prisão pelos crimes de tráfico de drogas e cultivo de maconha.

Deixe um comentário

X