Educação

Inscrições abertas para oferta de bolsa de estudos no Japão

O Governo do Japão abre inscrições, de 16 de janeiro a 20 de fevereiro, para oferta de bolsa de estudos MEXT, oferecida pelo Governo do Japão para professores e educadores do ensino fundamental e médio das redes estadual, municipal e privada. As vagas são para estudantes interessados em realizar pesquisas em universidades japonesas nas áreas relacionadas à educação. Para participar, os interessados devem comparecer ao Consulado do Japão, localizado na Rua Padre Carapuceiro, 733 – 14º andar, Boa Viagem, Recife, para efetuarem a inscrição. O Consulado também disponibiliza o e-mail: crj@bs.mofa.go.jpe o telefone: (81) 3207-0190 para obter mais informações.

As provas escritas têm previsão para o dia 6 de março e a entrevista para o dia 9 de março deste ano. Só participarão da entrevista os candidatos aprovados na prova escrita. O exame de idioma japonês é obrigatório, mas não é eliminatório. O curso tem duração de 1 ano e 6 meses, com bolsa mensal de 143.000 ienes (aproximadamente R$ 4 mil). Os candidatos também serão beneficiados com passagem de ida e volta e isenção de taxas escolares.É recomendável que o candidato tenha um conhecimento básico da língua japonesa.

Os participantes devem preencher os seguintes requisitos para participar do curso: ter nacionalidade brasileira (excluem-se brasileiros com dupla nacionalidade japonesa); ter pelo menos cinco anos de experiência como professor do ensino fundamental e/ou médio ou como orientador pedagógico, assistente educacional ou diretor de escola, na área pública ou privada até o 01.04.2017; estar exercendo a função atualmente; ter inglês avançado; ser graduado por uma universidade ou escola de formação de professores (magistério); ter boa saúde física e mental; serem nascidos em ou após 2 de abril de 1982; ser residente e domiciliado nos estados de jurisdição do Consulado (CE, RN, PB, PE, AL, SE, BA), além de possuir disponibilidade para participar de todas as aulas e interesse em compartilhar práticas e aprender sobre novas metodologias de ensino.

Deixe um comentário

X