Belo Jardim

‘Família inteira está arrasada’, diz pai de jovem assassinada em Belo Jardim

Mulher se assustou com assalto, gritou e foi morta com tiro, diz delegado.
Dupla fugiu em moto e ainda não foi identificada ou localizada, diz polícia.

O pai da vendedora de 26 anos morta durante um suposto assalto em Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco, disse que a “família inteira está arrasada”. Em entrevista à TV Asa Branca, Roberto Cordeiro afirmou que a filha voltava de um mercadinho quando foi assassinada na noite da terça-feira (19).

Cordeiro contou que estava sem dormir após ter ido ao Instituto de Medicina Legal (IML) em Caruaru para pedir a liberação do corpo. “Por causa de um celular, ela perdeu a vida”, lamentou o pai. O velório da jovem foi realizado nesta quarta-feira (20).

jovem_assassinada_belo_jardim.00_00_56_11.still001

O delegado José Luzia Correia afirmou que a vítima foi abordada por dois homens em uma motocicleta. Ele disse que os assaltantes se assustaram com a reação da mulher – que gritou ao ser abordada. “Quando ela estava caída, um dos homens desceu da moto, pegou o celular e os dois [assaltantes] fugiram”, explicou Correia.

Até a publicação desta matéria, os supostos criminosos não foram identificados ou localizados.

Familiares da vendedora disseram que estão organizando uma caminhada pela paz em Belo Jardim, no domingo (24), a partir das 10h. A concentração será no local conhecido como Praça das Crianças.

Deixe um comentário

X